Image Map

16 janeiro 2016

Torcidas de Campinense e América brigam em jogo amistoso na Paraíba

Portas e lustres também foram quebrados (Foto: Arquivo pessoal)


















Fotos(Arquivo pessoal)
Uma confusão generalizada entre torcedores foi registrada pela Polícia Militar no jogo amistoso entre Campinense Clube e América de Natal-RN, na tarde deste sábado (16), no estádio Amigão, em Campina Grande. Durante o intervalo da partida, torcedores do time potiguar entraram no setor onde estavam os torcedores do Campinense inciando um confronto. A Polícia Militar usou spray de pimenta e balas de borracha para controlar a confusão. Um torcedor do Campinense ficou ferido e saiu do estádio em uma ambulância. Ninguém foi preso.
Segundo a Polícia Militar, durante o primeiro tempo, além dos torcedores do Campinense, cerca de 20 torcedores do América-RN estavam no estádio e a situação era normal. Quando o primeiro tempo acabou, outro grupo de torcedores do América-RN chegou ao estádio e cerca de 50 deles conseguiram entrar no lado onde estavam os torcedores paraibanos, na arquibancada principal, Além das agressões, os torcedores tentaram arrancar faixas da torcida da Raposa.
“Havia um isolamento para dividir as torcidas na arquibancada, mas esses torcedores conseguiram passar por um portão que fica no túnel de acesso. Eles entraram e ao perceberem que estavam no mesmo setor que os torcedores do Campinense começaram o tumulto”, disse o capitão Jhonathan Yassaki
A Polícia Militar retirou cerca de 50 torcedores da arquibancada. Com eles foram apreendidos pedaços de madeira e foguetões. “Alguns deles disseram que eram de Campina Grande, mas a maioria é do Rio Grande do Norte”, frisou o capitão. Os torcedores que vieram do Rio Grande do Norte foram colocados no ônibus em que chegaram ao estádio e foram escoltados pela Polícia Militar, na BR-230, até a cidade Riachão do Bacamarte.
O gerente administrativo do estádio Ernani Sátyro (Amigão), Ascânio Paceli, disse que a diretoria do Campinense Clube não disponibilizou bilheterias exclusivas para os torcedores do América-RN e por isso houve um erro no acesso. “Como eles não tinham um setor específico para entrar, acabaram subindo no primeiro lance de escadarias que encontram e era justamente onde estavam os torcedores do Campinense. Outros torcedores do América-RN que chegaram cedo entraram e ficaram em um lugar isolado”, explicou.
A assessoria de imprensa do Campinense Clube informou que a diretoria do time não reservou bilheterias, pois não recebeu nenhum comunicado oficial da diretoria do América-RN, ou de torcidas organizadas, informando sobre a vinda de torcedores, o que geralmente acontece, e por isso não colocou bilheteria para visitantes.

Fonte: G1/PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário